08/05/2019 às 12h46min - Atualizada em 08/05/2019 às 12h46min

Instituto Federal de Bragança também será afetado com corte de verba

Reflexos devem ser sentidos já no segundo semestre

Foto: Reprodução Facebook


O Câmpus Bragança Paulista do Instituto Federal de São Paulo (IFSP), tem atualmente um total de 1660 alunos matriculados, divididos entre cursos técnicos, de Formação Inicial e Continuada,  de graduação e de pós-graduação. Mas a unidade também será afetada com o bloqueio de verba de 30%, realizado pelo Ministério da Educação (MEC), no dia 30 de abril.

Segundo a assessoria de imprensa do IFSP, a decisão do Governo Federal terá reflexos. “Esta ação poderá comprometer a execução das atividades planejadas de ensino, pesquisa e extensão dos nossos 36 câmpus, para o segundo semestre. Atualmente, há um grupo de trabalho dentro do IFSP discutindo os impactos que o bloqueio do orçamento trará para cada um dos câmpus da instituição”, informou ao completar dizendo que nos próximos dias a reitoria participará das ações programadas pelo Conselho Nacional das Instituições da Rede Federal de Educação  (CONIF), junto ao MEC e ao Congresso Nacional, com o objetivo de reverter a decisão do bloqueio da verba.

Manifestações

Em Bragança Paulista não houve manifestações, mas no Rio de Janeiro, alunos, pais e professores protestaram na segunda-feira (6), em frente ao Colégio Militar, onde o presidente Jair Bolsonaro (PSL), participava do aniversário de 130 anos da instituição. Os manifestantes carregavam cartazes com frases do tipo: “Educação não é gasto, é investimento”, “O Governo que não investe em educação, condena toda a Nação”.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »