11/07/2018 às 12h10min - Atualizada em 11/07/2018 às 12h10min

Denúncia sobre licitações: prazo para prefeito se manifestar terminou

Vereador Pericle Mazzi e prefeito João Batista, ambos do PSDB (Foto: Reprodução Facebook / JBR)


O prazo para o prefeito João Batista (PSDB), encaminhar suas manifestações ao Tribunal de Contas de Minas Gerais (TCE-MG), sobre as denúncias apresentadas pelo vereador Pericle Mazzi Filho (PSDB), sob pena de multa, terminou.

De acordo com o vereador, uma das denúncias encaminhadas por ele ao TCE-MG, refere-se ao processo 50/2017, cuja licitação teve a participação de uma única empresa, a LDO Consultoria Tributária e Treinamento EIRELI, que acabou sendo a vencedora. A empresa LDO tem como sócio-administrador, Leandro Dias Onisto,   sobrinho da primeira-dama do município, Terezinha Aparecida Monteiro Onisto, de acordo com o vereador.

Pericle afirmou ainda, durante sua participação na Tribuna da Câmara Municipal de Extrema, que a empresa LDO foi aberta apenas dois dias antes da licitação e que o valor do contrato firmado com a Prefeitura era de R$ 93.400,00, mas que recebeu um aditamento por mais um ano, pelo valor de R$ 108.185,16. “É totalmente plausível de questionamentos, diante desses fatos e diante do conjunto todo da obra, onde são pelo menos cinco processos que envolvem parentes do prefeito ou da primeira-dama, nos processos licitatórios da Prefeitura”, disse o vereador.

Outro lado

A Prefeitura disse, através da Procuradoria Jurídica do Município que “A prestação de contas é uma rotina comum e obrigação de todo órgão público ao Tribunal de Contas e a Administração Municipal de Extrema não se isenta disto, pelo contrário, vê com bons olhos a análise técnica de seus atos. O processo segue de acordo com o rito Jurídico e todas as informações estão de posse do Tribunal de Contas de Minas Gerais”.

O Jornal de Bragança e Região entrou em contato também com Leandro Onisto, da empresa LDO, mas não obteve retorno. Um novo contato foi feto por telefone, mas Leandro disse que preferia não se manifestar no momento. O espaço continua aberto.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »