15/01/2015 às 14h23min - Atualizada em 15/01/2015 às 14h23min

Prefeito Fernão Dias fala dos dois anos de seu mandato em entrevista à Rádio O Caminho FM

Foto: JBR

Na manhã de terça-feira, 13, o prefeito de Bragança, Fernão Dias da Silva Leme (PT), deu entrevista ao vivo na Rádio O Caminho FM, onde durante uma hora e meia, falou dos dois anos de seu mandato. As perguntas feitas pelo apresentador, Herik Bernardino, foram de interesse público e coletivo. As perguntas dos ouvintes feitas pelo WhatsApp, torpedo, telefone, app, site e facebook da emissora, foram encaminhas ao prefeito na íntegra, fora do ar, tendo ele prometido responder a todas.

Quanto às promessas de campanha ele afirmou que os tablets, por exemplo, já foram comprados e que os alunos receberão gradativamente a partir deste ano. Outra promessa de campanha foi transformar Bragança na cidade mais segura do Estado de São Paulo e sobre isso ele disse que conseguiu aumentar o efetivo da GM e que a nomeação do Delegado Seccional aposentado, Djahy Tucci Jr., como secretário de Trânsito e Segurança foi muito importante. “Se eu depender do Governo Estadual para aumentar o efetivo da PM, Bragança nunca será a cidade mais segura do Estado”, falou em crítica ao governador Alckmin.

Fernão Dias destacou os investimentos feitos nos cursos de capacitação profissional. “Podem somar os cursos que todos os prefeitos ofereceram, que não vai atingir o número de cursos que demos em dois anos”, disse.

Sobre o carnaval, o prefeito disse que em 2015 não haverá shows, mas que será cobrado como entrada o valor de R$ 5,00.  Festa do Peão também foi assunto e sobre isso Fernão Dias se comprometeu a conversar com os empresários da festa, e que vai apresentar a eles as sugestões dos ouvintes da Rádio O Caminho FM.

A renovação do contrato com a Sabesp, vencido há cinco anos, também foi destaque. “O  projeto de renovação está com os vereadores. Ele prevê vigência de 30 anos, com revisão a cada quatro anos e sem contrapartida”, disse.

 O prefeito desmentiu dois boatos. Um deles de que seu filho Lucas, de 17 anos, estaria doente.“Ele goza de plena saúde”. O segundo de que Fernão Dias estaria trocando o PT pelo PSD de Gilberto Kassab. “Houve convite, mas permaneço no PT”.

Ao encerrar, o prefeito agradeceu a oportunidade de poder falar ao vivo. “Tem rádio que me critica, mas não tem coragem de me entrevistar ao vivo. Obrigado pelo espaço democrático”, encerrou.


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »