23/02/2022 às 17h08min - Atualizada em 23/02/2022 às 17h08min

GCM participa de workshop sobre pirataria



Na última terça-feira (21), integrantes da GCM participaram do 1º Workshop de Combate à Pirataria, a convite do Superintendente da Polícia Rodoviária Federal (PRF) do Estado de São Paulo, Inspetor Antônio Fernando de Miranda, no Hotel Santo Agostinho.

 

Ministrado pelo  Delegado Wagner Carrasco, do DIG/DEIC do Estado de São Paulo, bem como pelo Superintendente da PRF do Estado de São Paulo, Inspetor Antônio Fernando de Miranda, pelo Assessor Jurídico da Embaixada dos Estados Unidos Rodrigo Dias e pelo Consultor Luiz Cláudio Garé, o workshop foi destinado à PRF e demais órgãos de segurança convidados. A iniciativa é uma realização conjunta, a qual conta com a Associação Brasileira de Bebidas (ABRABE), o Grupo de Proteção à Marca (BPG), a Associação pela Indústria e Comércio Esportivo (APÍCE) e o Sindicato da Indústria de Condutores Elétricos, Trefilação e Laminação de Metais não Ferrosos (SENDICEL).

 

Durante o treinamento foram apresentadas boas práticas frente a pirataria, bem como instruções de como atuar em diversas situações. Conforme explica o Delegado Wagner Carrasco. “É uma imensa satisfação participar deste evento e passar uma visão aos agentes de segurança sobre o nosso trabalho na delegacia especializada. A cooperação entre os órgãos de segurança é essencial para um melhor desenvolvimento das atividades no combate a pirataria”, explicou.

 

Dentro dos trabalhos que a PRF vem fazendo, a região bragantina é uma área fundamental para o embate e principalmente contra a pirataria, ainda mais por fazer divisa com Minas Gerais, sendo uma das rotas de passagem de produtos falsificados distribuídos para todo o país. É muito importante dividir esse conhecimento com a GCM, para que eles possam colocar em prática no dia a dia”, destacou o Superintendente da PRF do Estado de São Paulo, Inspetor Antônio Fernando de Miranda.

 

A pirataria é a prática de vender e/ou distribuir produtos sem autorização dos responsáveis por uma marca ou produto. Pirataria é um crime previsto no artigo nº 184, do Código Penal. A pena para este tipo de violação pode variar entre detenção de até 4 anos ou multa.

 

Na ocasião, o Secretário Municipal de Segurança e Defesa Civil Dorival Francisco Bertin, acompanhou o workshop e agradeceu o convite e a oportunidade de integração entre a PRF e a GCM. “Ficamos honrados com o convite do Superintendente da PRF para acompanhar este workshop. Receber esses novos conhecimentos é muito importante, principalmente para os nossos Guardas Municipais, pois poderemos reverter em mais benefícios a segurança pública. Tudo isso só é possível graças à boa relação que a Administração Municipal tem com as forças de segurança”, disse.

 
--
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »