19/11/2021 às 12h08min - Atualizada em 19/11/2021 às 12h08min

18 de novembro marcou o Dia do Conselho Tutelar

Foto: Arquivo Simone Migliorelli / Conselheiros eleitos em 2019: Julius, Marisa (em memória), Solange, Vanessa e Simone


 
Apesar de ser uma data importante, os conselheiros tutelares passaram o dia 18, Dia do Conselho Tutelar, fazendo diversos atendimentos. Afinal, o Conselho Tutelar é o maior garantidor de direito da criança e do adolescente, fazendo valer o Estatuto da Criança e do Adolescente, o ECA.

Em Bragança, os atuais conselheiros tutelares são: Solange Morales, Julius Salomão; Simone Migliorelli e Vanessa Alvarenga. Eles foram eleitos pela população em 2019, para mandato de 4 anos, e estão atuando no enfrentamento à negligência, às violências físicas e psicológicas, à exploração sexual e outras formas de violações.

Marisa Ferreira Lima
Além deles, também foi eleita para este mandato, Marisa Ferreira Lima, que morreu vítima de Covid-19, em março deste ano. Marisa atuava no Conselho Tutelar há 20 anos, tendo sido coordenadora várias vezes. A conselheira que assumiu a coordenação do CT, Simone Migliorelli Marques e que, conviveu diariamente com Marisa durante 10 anos, resumiu a importância de Marisa para o Conselho. “Com todo respeito a todos os conselheiros que passaram por aqui, todos foram importantes, mas a Marisa foi um divisor de águas. O Conselho Tutelar de Bragança era um antes dela e, é outro depois dela. Hoje, o Conselho tem um “rosto", que é o da Marisa. Ela atuou com garra, amor e com muita dedicação. Foi uma grande defensora da infância, com capacidade de articulação e bem relacionada com toda a Rede”, disse emocionada Simone Migliorelli, ao encerrar. “Hoje é um dia de gratidão e alegria pelos 31 anos do ECA e do CT, mas também de muitas saudades da Marisa".

Homenagem
E como homenagem aos conselheiros tutelares, o Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), através de sua presidente Simone Bueno e dos 17 membros, lembraram a data, destacando a importância desses profissionais. “Os conselheiros são eleitos pela população para serem o porta voz de crianças e adolescentes e , por isso, vimos homenagear estes profissionais que, por muitas vezes, abdicam de suas famílias para garantir a permanência da famílias dos outros”, frisou Simone Bueno.

 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »