29/04/2021 às 12h19min - Atualizada em 29/04/2021 às 12h19min

Cai taxa de ocupação em leito de enfermaria, mas UTI segue lotada



Dados desta quinta-feira (29), mostram que a taxa de ocupação em leito de enfermaria, que há semanas estava em 100%, caiu para 90%. No entanto, a taxa de ocupação em leito de UTI, segue em 100%. Ainda segundo os dados, não havia ninguém na fila de espera por vagas em Uti e nem em enfermaria, até a manhã desta quinta.
 
Óbitos
Mais quatro mortes entraram para os dados de Bragança, sendo que uma ocorreu no dia 12 de março, sendo um homem de 67 anos, que estava internado em Santa Bárbara D`Oeste e uma mulher de 64 anos que estava hospitalizada em Amparo e faleceu no dia 12 de abril.
Outros dois óbitos são de um homens de 71 anos, que faleceu no dia 27 e uma mulher de 82 anos que foi à óbito na quarta-feira, dia 28.
Além disso, houve uma marte suspeita, sendo de um homem de 66 anos que também estava internado.
Com essas recentes mortes, Bragança chega a 358 óbitos positivos e um sob suspeita.
 
Internados
Bragança tem 58 pessoas positivas para Covid-19, internadas e outras 9 que, apesar de estarem hospitalizadas, aguardam resultado do teste, estando sob suspeitas
Bragança chegou a 17.157 casos positivos.
 
Vacinados
Apenas 17.523 pessoas receberam as duas doses da vacina contra a Covid-19, e 29.042 com a 1 dose. Bragança tem uma população de 170.533 mil, segundo dados do IBGE de 2020.
De acordo com levantamento feito pelo Jornal de Bragança e Região, a cidade da região bragantina que mais vacinou, na proporção de habitantes, foi Serra Negra.
 
Veja a matéria exclusiva acessando o link: https://jornaldebraganca.com.br/noticia/1426/as-cidades-da-regiao-bragantina-que-mais-vacinaram-contra-a-covid-19
 
 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »