21/09/2016 às 15h03min - Atualizada em 21/09/2016 às 15h03min

“Pardal” ajuda a denunciar irregularidades de campanha

Foto: Divulgação


O Tribunal Superior Eleitoral (TSE), desenvolveu diversos aplicativos para que os cidadãos possam acompanhar as eleições municipais pelo celular. Ao todo, 11 ferramentas estão disponíveis para que os eleitores se informem sobre o pleito e, até mesmo, fiscalizem os candidatos. 

Um deles foi batizado de “Pardal” e tem como objetivo, permitir ao cidadão denunciar irregularidades durante a campanha. O aplicativo possibilita informar, em tempo real, a existência de um problema eleitoral. Após baixar a ferramenta, o cidadão poderá fazer fotos ou vídeos e enviá-los para a Justiça Eleitoral do Estado ou do município, que ficará encarregada de analisar a denúncia.

O que pode ser denunciado?
Entre as situações que podem ser denunciadas, estão o registro de uma propaganda irregular, como a existência de um outdoor de candidato, o que é proibido pela legislação, ou a participação de algum funcionário público em um ato de campanha durante o horário de expediente, compra de voto, distribuição de brindes, entre outros.

A idéia é que as pessoas ajudem a Justiça Eleitoral a fiscalizar a eleição.

A ferramenta foi desenvolvida em 2012, pelo Tribunal Regional Eleitoral do Espírito Santo. Nas eleições de 2014, ela já foi utilizada em outros Estados. 

“Candidaturas”
Um aplicativo que também é interessante para orientar o eleitor é o “Candidaturas”, que traz uma relação de todos os candidatos, com dados como partido e número na urna, além de informações sobre as propostas, a declaração de bens e a prestação de contas dos políticos.

Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »