19/11/2019 às 19h51min - Atualizada em 19/11/2019 às 19h51min

Com renúncia de vereador, Câmara passa a ter uma representante feminina

Vereadora é nora do prefeito e está no primeiro mandato

Fotos: Site Câmara /TRE
A suplente de vereador Ariane Faria Alves (PSB), assumiu no dia 18, após tomar posse oficialmente, a cadeira que era ocupada pelo vereador Donizete Ferreira de Almeida, do mesmo partido, que no último dia 11 de novembro, protocolou na Câmara uma carta de renúncia.

Segundo fontes ouvidas pelo Jornal de Bragança e Região, a decisão dele de deixar o cargo foi depois de uma denúncia contra ele, feita por um morador de Lindoia, que pede a cassação de seu mandato.

Na carta de renúncia, o vereador justifica seu pedido, atribuindo o motivo a razões de foro político e íntimo.

No site da Câmara, a denúncia feita por Mário Rucco pede a cassação do, agora, ex-vereador, e descreve que em janeiro de 2019, Donizete teria invadido a sua propriedade sob a alegação de que Mário estaria roubando água da população. O denunciante diz que com essa atitude, Donizete teria praticado o crime de calúnia e invasão de propriedade, além de ter incitado os munícipes contra o denunciante, e de ter ainda, usado as redes sociais para difamar Mário.  

O denunciante aponta que as atitudes do vereador se enquadram no artigo 7º do Decreto Lei 201/67 , onde estão previstos os casos passíveis de cassação. Estando entre eles o inciso III: ‘Proceder de modo incompatível com a dignidade da Câmara ou faltar com o decoro na sua conduta pública”.

O JBR não conseguiu contato com o ex-vereador, mas o espaço está aberto.

Representante Feminina

Na atual Legislatura, a Câmara de Lindoia era 100% composta por vereadores. Agora, dos 9 parlamentares, o Legislativo ganha uma representante feminina. Ariane é nora do prefeito de Lindoia, Luiz Carlos Zambolim (PSB), e está no seu primeiro mandato. A primeira sessão de Ariane será na segunda-feira (25).


 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »