06/10/2021 às 16h27min - Atualizada em 06/10/2021 às 16h27min

Município realiza Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência

Evento será nos dias 7 e 8 de outubro

Prédio da EBRAFA, local do evento - (Arquivo Secom)


  
O Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência realiza, nesta quinta e sexta-feira, dias 7 e 8 de outubro,  das 8h às 12h, a III Conferência Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência. O evento tem apoio da Secretaria Municipal de Ação e Desenvolvimento Social (SEMADS).
 
O tema central deste ano é “Cenário atual e futuro na implementação dos Direitos da Pessoa com Deficiência: Construindo um Brasil mais inclusivo”. A Conferência será um espaço para discussões e contribuições democráticas, visando a reformulação e adequação das políticas públicas inerentes às pessoas com deficiência, intermediando um número significativo de representantes da sociedade civil, dos órgãos públicos estadual e municipal.
 
O evento será no formato híbrido, com realização presencial na EBRAFA (Escola Bragantina de Formação e Aperfeiçoamento) e transmissão pelo Facebook do Conselho Municipal da Pessoa com Deficiência.
 
Confira a programação:
 
Dia 07/10
8h às 8h30 – Credenciamento
8h30 às 9h – Apresentação Cultural Violeiros do Rio Jaguari
Abertura Oficial – 9h
Palestras – “Comunicação: um direito de todos”, com a palestrante Eliane de Souza Ramos – Dra. Em Educação.
“Direito e Acessibilidade”, com a advogada Lígia Furquim de Souza.
“A criança e/ou adolescente com deficiência no Serviço de Acolhimento Institucional”, com as palestrantes Andréa Maria dos Santos, psicóloga e Cristiane Marques Merissi, pedagoga.
 
Dia 08/10
Das 8h às 12h – Organização dos grupos de trabalho e debate de cinco eixos temáticos. O debate dos eixos será realizado na EBRAFA.
Eixo 1: Estratégias para manter e aprimorar o controle social assegurado à participação das pessoas com deficiência.
Eixo 2: Garantia do acesso das pessoas com deficiência às Políticas Públicas.
Eixo 3: Financiamento das Políticas Públicas da pessoa com deficiência.
Eixo 4: Direito e acessibilidade.
Eixo 5: Desafios para comunicação universal.

 

 
Link
Notícias Relacionadas »
Comentários »